RSS

terça-feira, 18 de maio de 2010

Nostalgia

Ele é o homem que me faz feliz

E o que me faz sofrer

É o mesmo que sempre me diz

Que eu não devo me prender


É o beijo que eu desejo toda noite

E o corpo ao qual eu quero me fundir

É o deleite mais doce

E a Loucura que eu não pude resistir


É o acaso e o de repente

Sem avisar vem como chuva de verão

E sempre vai tão brevemente

Deixando nostalgia e dor no coração


Suelen Braga



14 comentários:

Florentino disse...

o sentído do bom viver

Hosana Lemos disse...

pareceu muito com meu último texto...
ele é isso, e aquilo...
*-*

LINDOOO

silvioafonso disse...

.

Quando eu deito no teu peito, sinto a
paz que busco, em mim. Relaxo, me entrego
e se eu olho para cima buscando teu olhar
fico perdido, confuso no teu sorriso.
Até esqueço de quantas estrelas eu contei
no céu azul da tua boca.

silvioafonso.










.

Paulo disse...

Uma verdadeira declaração de amor!!!
O cara que tem o seu coração é um cara de sorte...rsrs.
Parabéns pelo post e pelo seu blog.
Adorei estar aqui e vou segui-lo.
Beijos.

sarah disse...

Obrigada pelo selo flor! de verdade.


ah como eu gostaria de um relacionamento intenso assim, em que todas as noites poderia sentir o calor.

mas tudo ao seu tempo!
um beijo querida.

Leo disse...

É o acaso e o de repente
Sem avisar vem como chuva de verão
E sempre vai tão brevemente
Deixando nostalgia e dor no coração

.

Adorei, fechou com chave de ouro,
é sempre assim, como chuva de verão
que vem e passa, por isso que eu gosto
da garoa, é suave e dura.

Um beijãozão, querida!

Angélica disse...

Obrigada por aceitar o convite para o novo blog, já que você estava me seguindo no antigo, achei que gostaria de continuar a ler as postagens nesse.
Beijos e bom término de semana!

Celso Andrade disse...

Lindo!

obrigado pelo selo,

Nunca me aconteceu isso que vc escreveu ai,

Ps: NÃO CONTA PRA NINGUÉM RSRSRS

BEIJÃO SU

Isadora disse...

Matavilhoso,estou amando seu blog parabéns e estou te seguindo
http://nayaraamora.blogspot.com/
segue também?

MARNUNEFREI disse...

This will astonish you!
It`s in the interest of as all!

ZEITGEIST: ADDENDUM

Money as debt


HydrogenCar

project camelot magnetic motor

Electrolyzed water

Soladey eco

Bio washball

Solar Air Conditioning

AMAZING!!

OZONATED WATER: CURE ANYTHING!

http://www.stoptherobbery.com/

Monatomic Gold

Dangerous

EXITOTOXINS

Monosodium glutamate (MSG)
Aluninum
Aspartame
Mercury


IMPORTANT TO WATCH

Flouride in water

Bártolo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Bártolo disse...

"É o acaso e o de repente

Sem avisar vem como chuva de verão

E sempre vai tão brevemente

Deixando nostalgia e dor no coração"

Muito bom, parabéns.

Por que você faz poema? disse...

Sou feito de nostalgias,
de esperanças,
de devaneios.

Naty Araújo disse...

Uaaaaaaau... foi encantador esse poema, sério mesmo.
Fundo, profundo e tocante.
Palavras que mexem com nosso sentido, sem dúvidas.

Tbm sigo vc.
Beijos

Postar um comentário